Glossário
Header shadow

Locais de plantio

Olhos D'água/Alexânia

Recuperar áreas degradadas e torná-las floresta novamente, assim como cuidar das águas a partir de suas nascentes, são ações que requerem compromissos com a sustentabilidade do planeta. As mudas das espécies selecionadas para essa edição serão plantadas na região de Olhos D'água, em Alexânia, cidade do estado de Goiás a cerca de 108 km de Brasília.As mudas apadrinhadas serão cultivadas pela Escola Agrícola da Prefeitura de Alexânia Lothar Shiller até novembro de 2018, no início do período de chuvas, quando então serão plantadas na área definitiva, reflorestando a região e recuperando os mananciais de Olhos D'água.O adubo para essa iniciativa foi gentilmente oferecido pelo palestrante e artista Guilhermo Santiago.

Um pouco sobre o Bioma Cerrado

A contribuição do Bioma Cerrado para o equilíbrio ambiental global é considerada como imprescindível. Ao compreendê-lo como um ecossistema, passamos a interagir com a biodiversidade e com os diversos serviços ambientais que presta aos demais ecossistemas. Ao compreendê-lo desta forma passamos a interagir com a biodiversidade, com seus solos e também com seus aquíferos e a produção de água, com o clima, com suas paisagens. O Bioma Cerrado ocupa vasta porção do território brasileiro, e que pelas suas características próprias e únicas, e ainda, pela riqueza em biodiversidade, tem importância global.

Isto fica claro dada a sua importância para o Sistema Climático Global e quanto à rica Biodiversidade que abriga e sustenta. O fato de que o cerrado vem sofrendo elevado grau de intervenções e perdas da qualidade ambiental, é que o Bioma Cerrado está incluído entre os Biomas inclusos na categoria de hotspots globais para a conservação. O Cerrado ocupa esta posição no ranking de importância dos Biomas para o sistema global, devido a sua alta diversidade biológica e os alertas são devido à rapidez com que está sendo destruído.

Os hotspots são habitats naturais que correspondem a apenas 1,4% da superfície do planeta, onde se concentra cerca de 60% do patrimônio biológico do planeta. Para ser considerado e incluso na categoria de hotspot, o Bioma deve conter, pelo menos 1500 espécies endêmicas de plantas e, ao mesmo tempo, ter perdido mais de ¾ de sua vegetação original. O Cerrado é assim considerado.

Além dessa advertência científica, que colocou o Cerrado como um dos biomas mais importantes do mundo para a conservação da biodiversidade, sua vegetação exerce proteção tão eficaz aos recursos hídricos quanto as florestas, com a vantagem de consumir relativamente menor quantidade de água para sua própria sobrevivência.

O Cerrado é o segundo bioma mais rico em biodiversidade do Brasil e também o berço de muitas espécies endêmicas de vegetais e animais. Possui uma extensa rede de nascentes de água, que se juntam como contribuintes para a formação de grandes rios.

Atualmente grandes extensões do Cerrado já se encontram ocupadas com ações antrópicas, sejam com os aglomerados urbanos, desde vilas rurais a grandes cidades, rodovias, e grandes extensões de terras com pastagens, lavouras anuais e cultivos perenes.

Estes fatos mostram o quanto são imprescindíveis ações para recuperar a vegetação nativa do cerrado, principalmente em locais que tenham potencial para a produção de água e que tenham sido impactadas por diversos tipos de degradação de seu equilíbrio ambiental e de suas qualidades naturais.


Padrinhos neste local

Hr bg